O Coletivo A Carroça conta com um amplo leque de registros das experiências vividas nesse processo,  permitindo fixar e transmitir a memória das suas andanças. Nosso objetivo não é, necessariamente, compartilhar as histórias recebidas na rua. Muitas dessas histórias nos são entregues em caráter confidencial, outras chegam com o desejo de que sejam recontadas. Assim, nossas publicações estabelecem uma rede de troca e compartilhamento construída em diálogo com amigos da carroça, parceiros, colaboradores, pesquisadores, artistas, etc.

diários da Carroça (1)

A gente pode não ter dinheiro, mas uma história, todo mundo tem.

Como começou esse negócio? De onde veio essa ideia? De quantos começos se faz uma história?

Leia Mais

diários da Carroça (2)

“Qual o perfil dos clientes da Carroça? Quem chega pra contar histórias pra vocês? Quem ainda tem tempo pra ficar conversando na rua com estranhos, no meio da tarde, num dia de semana?”

Leia Mais