Em nossa banca não circula dinheiro. Funcionamos por escambo, ou seja, troca. Na carroça, disponibilizamos  aos clientes uma seleção de produtos singulares cuidadosamente preparados por nosso equipe, e  cada um é uma peça única. Trabalhamos com duas linhas de produtos:  1) cartões postais confeccionados a partir de fotografias descartadas ou fotografias que não deram certo e 2)  escritos de gaveta doados ou entregues como pagamento na própria Carroça. Como pagamento, recebemos histórias. As narrativas podem ser orais ou escritas. Sempre temos banquinhos, ouvidos atentos, papéis, canetas e pranchetas esperando pelos clientes na Carroça.  Aceitamos qualquer forma de narrativa: memórias, fragmentos, contos, sonhos, divagações, listas, etc.